18.10.04

UA implementa novo sistema de pagamentos móveis

E se tivesse a oportunidade de se desfazer das notas, moedas e cartões e pudesse pagar as suas compras através do telemóvel? A partir de 15 de Outubro, os Serviços de Acção Social da Universidade de Aveiro (SASUA) dão-lhe essa possibilidade em todas as lojas, bares e restaurantes por eles geridos, graças ao novo serviço de pagamentos móveis, denominado Caixa Móvel.

Na linha de modernidade tecnológica que vem caracterizando a UA, os seus Serviços de Acção Social, em parceria com a Caixa Geral de Depósitos, disponibilizam, a partir de 15 de Outubro, um novo serviço de pagamentos móveis: o «Caixa Móvel».
Ainda numa fase piloto, este inovador serviço, desenvolvido pela EF - Tecnologias de Software, parceira da CGD neste projecto criativo, permitirá o pagamento de bens e serviços de baixo montante, usando uma moeda digital, pedida e obtida através da Internet ou de um telemóvel (SMS). A adesão ao serviço é efectuada de forma simples e sem encargos, a partir do sistema Caixa Directa Online (http://www.cgd.pt).
Suponhamos que pretende fazer o pagamento de um almoço na cantina de Santiago, num valor que se estima em 3,20 euros. Acede ao site do serviço Caixa Directa Online, identifica-se, declara o identificador do comerciante (exemplo: uavr1) e um valor superior àquele que pretende gastar (exemplo: 4 euros). De imediato receberá uma resposta com um código de seis dígitos, que constitui a moeda digital (exemplo: 224365).
Já no local da compra, o comerciante regista o valor exacto da sua compra no equipamento de validação (3,56 euros, por exemplo), passando-o para a sua mão. Aí confirmará o valor registado pelo comerciante e registará o código que representa a moeda digital (224365) e o valor do crédito pedido (4 euros).
Se preferir o SMS, pode optar ainda por fazer o seu pedido e receber a moeda digital através do envio de uma mensagem para um número nacional único – 3510. Através da Caixa Directa Online, os subscritores do serviço activam os telemóveis a partir dos quais solicitarão e receberão moedas digitais. A cada telefone activado é atribuído um número de identificação da activação (NIA). O valor das moedas digitais é debitado na conta do cliente, subscritor do contrato Caixa Directa Online, e creditado na conta do comerciante depois do pagamento ser efectuado.
A mensagem inicia-se sempre pelos caracteres "cm" e constará do identificador do comerciante, do valor máximo do pagamento a efectuar e do NIA do telefone utilizado, separados por um espaço em branco - "cm uavr1 4 3254", no caso do exemplo anterior. O código que constitui a moeda digital será recebido num SMS de resposta.
Todos os movimentos e consumos efectuados através do serviço Caixa Móvel podem ser consultados online pelos próprios, como habitualmente, no site do sistema Caixa Directa Online.
Adira hoje mesmo a este sistema no qual a UA é mais uma vez pioneira, adopte a moeda digital com a naturalidade descomplexada dos tempos modernos e verá... as suas preocupações passará a ser um pouco mais virtuais!

FONTE: http://www.ua.pt/uaonline/detalhe.asp?id=277&tipo=3

0 Comments:

Post a Comment

<< Home