23.11.04

carbon train

I’m leaving
I’m leaving in a train without wheels
Nor rails

Yes, I’m the pilot
Travelling by myself
Not heading nor east or west
Not north nor south

No poles

I’m heading towards the horizon
The thin red line
In the end of the journey it will get blue
As the stars shall stand beside my soul
Shining in the coolest dark

The passengers gathered in the station
But in the end all gave up the delusion
None of them came along

Fear beat them
On the run for the moon




by
Willie Mays

1 Comments:

At 11:20 PM, Blogger Sacha said...

Por causa deste poema do Willy Mays, lembrei-me desta musica encontros e despedidas de Milton Nascimento. Aqui vai, com acordes e tudo:

* Música: Encontros e Despedidas

Tom: F#m

F#m Bm7 E
Mande notícias do mundo de lá
A7+ D7+
Diz quem fica
G#m7/5- C#7
Me dê um abraço venha me apertar
F#m
Tô chegando
Bm7 E A7+
Coisa que gosto é poder partir sem ter planos
D7+ G#m7/5- C#7 F#m
Melhor ainda é poder voltar quando quero
Bm7
Todos os dias é um vai-e-vem
C#m7
A vida se repete na estação
Dm7
Tem gente que chega pra ficar
Cm7 Bm7
Tem gente que vai pra nunca mais
Tem gente que vem e quer voltar
C#m
Tem gente que vai querer ficar
Dm7
Tem gente que veio só olhar
Cm7 Bm7
Tem gente a sorrir e a chorar
F#m Bm7
E assim chegar e partir
E G#/A D7+
São só dois lados da mesma viagem
G#m7/5-
O trem que chega
C#7 F#m
É o mesmo trem da partida
Bm7 E A7+ D7+
A hora do encontro é também despedida
G#m7/5- C#7
A plataforma dessa estação
F#m A7
É a vida desse meu lugar
D7+ G#m7/5- C#7 F#m
É a vida desse meu lugar, é a vida

 

Post a Comment

<< Home