8.9.05

vida

o aniversário é uma lágrima doce
na alforria da nostalgia
o ombro no virar da esquina

a vida pequena arde numa vela de cera
que sopre o vento sobre a chama
no confinado derrame de alma

qual círculo perpétuo,
qual utopia
que ocorrência mais esquisita




por Willie Mays

2 Comments:

At 10:50 AM, Blogger hfm said...

Gostei de ler.

 
At 1:18 PM, Blogger C.S.A. said...

também.

 

Post a Comment

<< Home